Arquivo da categoria: Tags Literárias

TMI Booktube Edition Tag feat. Hélio Parente

Olá! Vocês devem ter notado que eu dei uma sumida nos últimos dias e isso se deve ao simples fato de que minhas aulas voltaram recentemente. Estou no 3° ano, ainda tentando ajustar os horários, a rotina está bem corrida. Mas em breve vou conseguir estabelecer uma programação de posts para que o blog não fique sem conteúdo.

Bom, o post de hoje é para mostrar o vídeo de que fiz com o Hélio, do blog A Hora de Madrugar, respondendo à tag TMI Booktube Edition, que consiste em 50 perguntas voltadas para leitores e booktubers. Tagueamos algumas pessoas, mas sinta-se à vontade para responder também.

É só isso por hoje. Até mais! /Jadeh

Tag de Marcadores

10685776_730055637069707_5573032221104122271_n

Olá! Lembram que eu coleciono marcadores de páginas? Então, a Alba do blog Trampoline me indicou a tag perfeita, pois eu estava com muita vontade de fazer outro post mostrando meus marcadores. A tag possui 15 categorias, e estou indicando o Afrânio para fazê-la também!

1) O pequeno: um marcador pequeno que faz toda a diferença.

1908441_730055593736378_8139670650781643362_n

Ganhei esse marcador de “A Menina de Nome Enfeitado” em uma promoção no canal Ponto e Pula Linha, e adorei, pois ele é prático, posso colocá-lo em livro de poesia pequenos e também é uma fofura só.

2) O impossível: aquele marcador que você deu a vida para consegui-lo.

10396297_730055617069709_6880701533001572955_n

Não há nenhum marcador que eu tenha me esforçado demais para conseguir, mas esse eu tive que cometer um (pequeno) furto à livraria para conseguir. Mas olha, nem fez falta a ninguém, e eu amo Sherlock.

3) O troféu: um marcador que você exibe como troféu e causa certo desconforto entre os colecionadores.

983827_730055643736373_8896793650447484656_n

Lembram do Luan Felipe, do Show do Luan, que deu uma entrevista para o blog no último Youtube Day? Alguns meses atrás ele me enviou três marcadores como esse por correio, eu os guardo com a minha vida. Haters gonna hate!

4) O desajeitado: um marcador que é ruim para guardar, lidar e até mesmo mostrar.

154568_730055640403040_4764632876325338638_n

Nem sei quando ganhei esse marcador, é provavelmente um dos primeiros da minha coleção. Ele é lindo demais, do tempo em que ainda havia Siciliano aqui em Fortaleza, mas é bem grande. Podem notar que as pontas dele estão um pouco amassadas, é porque elas ficam para fora quando eu o uso para marcar as páginas de algum livro.

5) O belo: um marcador que chame atenção pela sua beleza.

10356774_730056660402938_3213202637347136354_n

Meu pai trabalhava em escolas particulares até algum tempo atrás, e um dia ele trouxe de uma delas esse marcador lindinho para mim. Acho essa frase tão legal, “jardim de gente”.

6) O popular: um marcador que todo mundo tem, que é mais fácil de achar que bêbado em boteco.

10629628_730056570402947_8549771320388249107_n

Quem não tem esses marcadores da Livraria Cultura, né gente?

7) O diferente: um marcador que tenha alguma característica peculiar que o torna especial dentre os outros.

10363603_730056613736276_8266441631123879720_n

Meu pai trouxe de uma viagem esse marcador, e eu acho ele tão bonito pelo fato de ser feito de tricô! Ele fica muito meigo marcando meus livros.

8) O nostálgico: um marcador que remeta a alguma lembrança boa.

10351593_730056720402932_5249367332147877815_n

Já comentei uma vez aqui no blog que fiz um intercâmbio com a Paula Pimenta e outras três leitoras no ano passado. Durante a viagem de ida, entre São Paulo e Toronto, a Paulinha nos presenteou com marcadores e bottons, sempre que olho para esse marcador, lembro-me daquele mês maravilhoso em terras canadenses.

9) O presenteado: um marcador que lhe foi dado de presente e você guarda com todo o carinho.

10731152_730056620402942_5935653251393595262_n

Dia 1 desse mês, fui a uma festa de Halloween e uma pessoa levou esse e mais alguns marcadores para mim e me deu de presente. A melhor coisa de presentes aleatórios é saber que a pessoa pensou em você do nada em algum momento do dia dela.

10) O gringo: um marcador internacional que mais te atrai.

10009779_730057543736183_1049922729637429793_n

Comprei uns livros pelo Book Depository e esse marcador veio junto, achei uma gracinha.

11) O autografado: um marcador autografado de alguém muito especial.

1622661_730057427069528_3157610033449385142_n

Não tenho nenhum marcador autografado por alguém realmente especial. O único autografado que tenho é esse que ganhei de uma promoção. É de uma autora nacional que estava na Bienal do Livro de São Paulo.

12) A coleção: uma coleção completa ou incompleta de marcadores que você custou ou está custando a completar.

10647104_730057527069518_6499779578019475040_n

Não tenho nenhuma coleção de marcadores que queira completar, mas seria bacaninha ter a dos Heróis do Olimpo. Esse marcador tem na frente a capa do Herói Perdido e no verso a do Filho de Netuno.

13) O repetitivo: um marcador que você tem muitos iguais.

10405246_730057410402863_7659562287848960256_n

De novo um marcador da Livraria Cultura. Essa livraria é a minha segunda casa, não posso fazer nada.

14) O que não existe: um que você quer muito, mas não o tem.

Vi no post da Alba que ela tem os marcadores da trilogia As Peças Infernais. Eu quero! Alba, me dá esses marcadores, faz favor.

15) Tal livro, tal marcador: um marcador que é tão especial quanto o livro, em capa, conteúdo e características.

1012899_730057517069519_180232253077374226_n

Preciso nem dizer nada, não é mesmo? A Culpa é das Estrelas é meu livro favorito, e esse marcador é absolutamente lindo.

Bom, é só isso por hoje. Até mais! /Jadeh

Tag Serendipity, por Vick

Essa tag foi criada no GABA pra homenagear a  Melina Souza, do blog Serendipity e a Jadeh gravou vídeo respondendo há alguns dias. Agora é minha vez de responder, mas eu preferi fazer em forma de post com fotografias. Vamos lá?

  •  Mel: um livro que tenha um personagem que é a sua cara

Eu escolhi a Margo Roth Spiegelman, de Cidades de Papel, do John Green.

Apesar de não ser nada parecida fisicamente com a Margo, ela tem traços que eu identifico em mim, como, por exemplo, uma vontade de liberdade sem tamanho e uma maneira diferente de ver o mundo. Ela é um espírito livre e eu, de certa forma, também sou.

Cidades de Papel já foi resenhado aqui no blog e logo vai ganhar uma adaptação cinematográfica. A Cara Delevingne foi escolhida pra interpretar a Margo e, apesar dela ser totalmente diferente do que eu imaginava enquanto lia, espero que ela faça um ótimo trabalho dando vida a uma das minhas personagens preferidas do John Green.

DSC_0055

  • Serendipity: um livro que você tenha encontrado por acaso

O livro escolhido foi Por Isso a Gente Acabou, do Daniel Handler.

A Jadeh já tinha comentado sobre esse livro comigo, mas acabou sendo mais um dos livros que indicamos uma pra outra (que são muitos!). No meu aniversário desse ano eu ganhei um cartão presente das Livrarias Curitiba e não sabia com o que gastar. Quando cheguei lá acabei vendo este livro no meio de vários outros, meio perdido. A única edição entre as demais. Acabei levando e não me arrependi. Estou quase terminando de ler e a resenha deve sair em alguns dias.

DSC_0054

  • Spock: um livro muito fofo

Eleanor & Park, da Rainbow Rowell é um daqueles livros que fez com que eu me sentisse meio incompleta, mas não dá pra negar que a relação entre os protagonistas é adorável. O jeito que eles se entendem e a história se desenvolve é muito bonitinho. O Park é um daqueles garotos dos sonhos que a gente encontra nos livros e tem vontade de abraçar pra sempre.

DSC_0053

  • London: um livro que te transportou para um lugar no qual você gostaria de morar

Escolhi Orgulho e Preconceito, da Jane Austen, que se passa na Inglaterra, um dos países que eu mais tenho vontade de visitar.

DSC_0051

  • Gui; um livro em quadrinhos ou um livro com um personagem nerd

Acabei escolhendo um livro em quadrinhos do Garfield porque a minha edição de O Teorema Katherine, do John Green não está comigo no momento. De qualquer forma, eu gostei bastante de ambos.

DSC_0046

DSC_0049

  • Fotografia: um livro com ilustrações

Não pude deixar de escolher essa versão de Alice no País das Maravilhas, que conta com as duas histórias de Lewis Carroll. Ela é linda, tem capa dura e as ilustrações são muito legais.

DSC_0043

DSC_0045

  • Bilbo: um livro curto, mas que você gostou muito

Eu li Os Contos de Beedle, o Bardo tantas vezes que já perdi as contas. São 5 contos (incluindo O Conto dos Três Irmãos) escritos pela J.K. Rowling e no final de cada um tem comentários feitos pelo Dumbledore.

DSC_0042

  • Beatles: um livro popular que você ama

Eu resenhei As vantagens de ser invisível, do Stephen Chbosky na última semana e deixei registrado por lá todo o meu amor por esse livro. É um dos melhores que eu já li, apesar de não ser o meu tipo de literatura favorita.

DSC_0040

  • Tatuagem: um livro que te marcou para sempre

Não posso escolher um que não seja Harry Potter. Minha mãe e meu irmão mais velho costumavam ler bastante pra mim quando eu era pequena e isso me deixava animada pra pegar livros toda semana na biblioteca do colégio, mas foi Harry Potter que me fez gostar de ler. Foi o que incentivou meu gosto pela leitura e a de muita gente também. É, com certeza, o livro que mais marcou a minha vida.

Ah, minha edição já está bem gasta porque é bem antiga, não reparem.

DSC_0037

  • Wonderland: um livro que te levou para um universo fictício

E a última categoria da tag é representada por Percy Jackson e os Olimpianos – O Ladrão de Raios, o primeiro livro da série de mitologica greco-romana de Rick Riordan. É dos livros dele que saíram alguns dos meus personagens preferidos, como a Rachel, o Leo e a Reyna. Amor eterno pelo Tio Rick ❤

Novamente, este livro está muito gasto porque já passou pela mão de muita gente.

DSC_0039

Para terminar, eu queria indicar algumas pessoas pra responder a tag.

Mel: Porque não tem pessoa melhor pra responder isso do que ela

Bricio: Porque eu adoraria vê-lo respondendo isso.

Você: Porque o Estante de Sorrisos não existe sem você, leitor.

Obrigada por ler até aqui e até o próximo post. /Vick

Tag Serendipity

Quem está inserido de forma intensiva na blogosfera provavelmente conhece a Melina Souza, do blog Serendipity. Ultimamente eu e os outros integrantes do GABA estamos em um constante contato com a Mel, que é uma das nossas blogueiras favoritas. Como forma de homenageá-la, decidimos criar uma tag com dez categorias ligadas a elementos presentes nos vídeos e posts dela, relacionando-as com livros. Fiz um vídeo e quando vocês assistirem vão poder entender melhor. Esse é o primeiro vídeo em que eu apareço aqui no blog, fiquei muito nervosa para fazer! Ah, um aviso: na hora de editar, deu um probleminha e a parte em que eu falava qual era a nona categoria sumiu. Mas a categoria é: Tatuagem – um livro que te marcou para sempre.

Os links dos blogs e vlogs das pessoas que marquei para responder a tag estão aqui embaixo, assim como as categorias. Além disso quero marcar também a Vick, que divide o blog comigo, pois ela também é muito fã da Mel. Quem tiver interesse em responder, mesmo que não tiver sido marcado, sinta-se à vontade! Lembre-se apenas de colocar os devidos créditos.

1 – Mel: um livro que tenha um personagem que é a sua cara
2 – Serendipity: um livro que você tenha encontrado por acaso
3 – Spock: um livro muito fofo
4 – London: um livro que te transportou para um lugar no qual você gostaria de morar
5 – Gui; um livro em quadrinhos ou um livro com um personagem nerd
6 – Fotografia: um livro com ilustrações
7 – Bilbo: um livro curto, mas que você gostou muito
8 – Beatles: um livro popular que você ama
9 – Tatuagem: um livro que te marcou para sempre
10 – Wonderland: um livro que te levou para um universo fictício

Pessoas marcadas para fazer a tag:
Maria Clara
Bia
Socorro
Aninha
Gui

Espero que tenham gostado do vídeo. É só isso por hoje, até mais! /Jadeh

Taylor Swift Book Tag

DSCF3670

Se vocês acompanham o blog ou o canal no Youtube da Melina Souza (clique aqui para assistir ao vídeo) devem ter visto que ela fez a Taylor Swift Book Tag. Como eu amo a Taylor, óbvio que não poderia deixar de fazer a também! Foi criado no canal The Book Life e consiste em 12 músicas, cada uma com uma categoria diferente na qual você deve encaixar um livro. Deixei o link de cada música em seus respectivos nomes, então é só clicar se tiver interesse em ouvir alguma.

1 – We Are Never Ever Getting Back Together: escolha uma série ou livro que você estava amando, mas depois decidiu que queria “terminar” com ela.

DSCF3675

Percy Jackson é uma das minhas sagas favoritas; aliás, foi a primeira da qual eu fui fã, que fez com que eu me animasse com um universo literário e me introduziu aos fandoms. Mas eu já estou ficando saturada do Rick Riordan usar os mesmos personagens infinitamente. Ainda nem li “A Casa de Hades”! Mas ainda tenho esperanças de algum dia unir forças para terminar “Os Heróis do Olimpo”.

2 – Red: escolha um livro com a capa vermelha.DSCF3673

Apesar de vermelho não ser a cor exata da capa, é a principal. O livro perfeito para qualquer apaixonado pela literatura, assim como a protagonista da história. Cornelia Funke term uma escrita muito boa, espero terminar a trilogia em breve.

3 – The Best Day: escolha um livro que te faça sentir nostalgico (a)chapeuzinho amarelo

“Chapeuzinho Amarelo” é um dos livros mais marcantes da minha infância, eu lia e relia constantemente. Infelizmente, não tenho mais o meu exemplar, doei para uma instituição infantil. Assim que puder, pretendo adquirir novamente essa história que me ensinou a vencer meus medos. O roteiro de Chico Buarque e as ilustrações de Ziraldo são impecáveis.

4 – Love Story: escolha um livro com uma história de amor proibidaDSCF3677

Apesar de ser Team Maxon, essa parte do post será dedicada ao amor proibido entre Aspen e América. Desde o início da coleção esses dois enfrentam mil e um desafios para ficarem juntos. Apesar de não serem meu casal favorito, não há como não se comover pelo menos um pouco pelos sentimentos que o Aspen nutre pela América, pois era evidente que há amor verdadeiro ali.

5 –  I Knew You Were Trouble: escolha um livro com um personagem mau, mas que apesar disso, você não conseguiu resistir e se apaixonou (ou gostou muito) dele.

DSCF3681

Conde Olaf é um homem mau, ganancioso e que prende bebês em gaiolas. Mesmo estando ciente de todos esses fatos, não consegui não gostar dele! É aquele tipo de vilão que não tem uma razão para ser mau, e geralmente acho esse tipo de personagem muito fraco, mas as estratégias que ele utiliza para tentar roubar a fortuna dos Baudelaire são muito engraçadas! Desculpa, mundo, mas o Conde Olaf mora no meu coração.

6 – Innocent: escolha um livro que alguém estragou o final para você (spoiler!)DSCF3684

Jogos Vorazes foi uma saga que eu demorei muito a terminar, sem nenhuma razão específica. E é óbvio que tem aqueles amiguinhos que acham que só porque você gosta de ler, significa que já leu todos os livros do mundo,  e começam a conversar sobre as maiores tragédias do final da trilogia. A vantagem disso é: fui preparada psicologicamente para a leitura.

7 – Everything Has Changed: escolha um livro em que o personagem se desenvolve bastante.DSCF3685

Anna vai para um intercâmbio durante um ano na França. No começo é possível notar o quão diminuída ela se sente, por não saber falar o idioma, evitando comer na cantina para não precisar tentar explicar seu pedido em francês ao chef. Contudo, a medida que o tempo vai passando, a evolução da personagem é incrível. Anna passa a se arriscar cada vez mais, aprendendo a língua, indo ao cinema sozinha, dentre vários outros aspectos.

8 – You Belong With Me: um livro que você está ansioso(a) para que seja lançado e você possa ler.

lady midnight

Deixei minha birra com Cassandra Clare de lado depois que li “As Peças Infernais”. Estou animadíssima para o lançamento das duas novas coleções no mundo dos caçadores de sombras, a primeira se passando na nossa época e com um amor entre parabatais, a segunda contando a vida dos descendentes dos personagens de “As Peças Infernais”. Não tenho certeza se essa é a capa original, mas representa o primeiro livro da série “Os Artifícios das Trevas.

9. Forever and Always: escolha o seu casal literário favoritoDSCF3648

Essa foi a categoria mais cruel de todas, por que não há como escolher apenas um casal literário! Gosto de vários, e de formas diferentes. Acabei me decidindo pelo casal Cath e Levi, de Fangirl, pois foi o último casal literário com quem eu me empolguei (muito!).

10 – Come Back…Be Here: escolha um livro que você não gosta de emprestar por medo de nunca mais voltar.DSCF3687

Muitos podem dizer que escolher esse livro é clichê, mas que se dane, pois sim, é um dos meus livros favoritos. Tenho muito medo de emprestar, essa edição é de 2012, da primeira tiragem, tem todas as minhas marcações e anotações importantes. Se algum dia ele não voltar, acho que vou passar um bom tempo traumatizada.

11 – Teardrops On My Guitar: escolha um livro que te fez chorar muito.DSCF3688

Olha a Cassandra Clare de novo! Não sou de chorar com livros, antes de “Princesa Mecânica” só havia chorado com um livro, mas esse aqui acabou com todas as minhas estruturas emocionais! Os personagens são tão bem desenvolvidos que se tornaram palpáveis, e a finalização da trilogia foi magnífica e completamente inesperada. A história caminha para um rumo e termina de um jeito que eu fiquei sem saber o que fazer, só chorava compulsivamente. Até passei por uma mini ressaca literária após o fim dessa leitura, “Princesa Mecânica” acabou comigo. E eu não me arrependo nem um pouco.

12 – Shake It Off: escolha um livro que você ama muito e não está nem aí para os haters.DSCF3689

Foi uma surpresa para o mundo inteiro J.K Rowling lançar um livro adulto depois do fim de Harry Potter. Existe uma divisão bem forte entre a comunidade de pessoas que já leu esse livro: os que amaram e os que odiaram. Eu faço parte desse primeiro grupo, Rowling reafirmou seu talento de interligar fatos e histórias em uma trama recheada do poder da fofoca e jogo de interesses. Adorei e estou ansiosíssima para o lançamento da mini série.

Acabou a tag! Gostaram? Eu adorei fazê-la. Quero marcar a Maria Clara e a Alba para fazerem também. Boa sorte, meninas!

É só isso por hoje. Até mais!

Tag – Abecedário Literário

Depois de vários dias sem dar as caras por aqui, eu voltei e com uma categoria nova, a de Tags Literárias.

A tag de hoje chama Abecedário Literário, onde alguém te indica 5 letras aleatórias e você tem que achar um livro correspondente para cada. Quem me deu as letras foi a Jadeh, então eu devolvo o desafio para ela (suas letras são L, S, M, I e E, Hazo). As letras que eu ganhei são: F, J, A, C e P.

DSC_0315

F – O Festim dos Corvos, de George R.R. Martin

Minha relação com o Martin é complicada. Eu não consigo avançar nos livros dele, apesar de serem muito bons. O livro é rico em detalhes e a narrativa é interessante, pois o ponto de vista muda a cada capítulo. Ainda assim, é um pouco mais pesado do que os outros livros que eu costumo ler, mas pretendo terminar num futuro não tão distante e vocês podem me cobrar. Por ora, comentem o que vocês pensam sobre os livros dele e, se puderem, me digam se a série faz jus ao livro.

DSC_0317DSC_0318

J – Julieta Imortal, de Stacey Jay

Eu realmente gosto desse livro e até já comentei sobre ele aqui, ainda nos moldes antigos de resenha. Se tiver curiosidade sobre ele, vale a pena conferir.

DSC_0337DSC_0340

A – Austenlândia, de Shannon Hale

Esse livro já ganhou uma resenha no nosso tumblr, mas pretendo colocá-la nos moldes atuais do Estante de Sorrisos e postar novamente, com avaliação, comparação com o filme e fotos. 

 DSC_0327DSC_0329DSC_0330DSC_0328

C – Contos da Seleção, de Kiera Cass

Depois da presença da Kiera na Bienal e na sessão de autógrafos em Fortaleza (que a Jadeh registrou e postou aqui no blog), não podíamos deixá-la de fora deste post. O escolhido da vez é Contos da Seleção, que é composto pelos pontos de vista do Maxon e do Aspen e suas respectivas árvores genealógicas, um trecho de A Escolha e a playlist oficial de A Seleção e de A Elite.

DSC_0319DSC_0320 DSC_0322DSC_0324  

P – Por Isso a Gente Acabou, de Daniel Handler

Conheci esse livro ano passado quando a Jadeh leu e comentou sobre ele, mas acabei não dando muita importância. Esses dias estava na livraria sem ter certeza de qual livro comprar e ele surgiu na minha frente. Estou terminando a leitura e daqui uns dias já posto a resenha.

DSC_0332DSC_0333 

 DSC_0335DSC_0336

Então por hoje é só. Até mais. / Vick