Arquivo da tag: daniel handler

Por Isso a Gente Acabou, de Daniel Handler

DSC_0032

  • Título: Por Isso a Gente Acabou
  • Autor: Daniel Handler
  • Ilustadora: Maira Kalman
  • Editora: Seguinte
  • Número de páginas: 362
  • Ano de lançamento: 2012
  • Nota: 2,5 estrelas

Sinopse:  Quem nunca teve o coração partido? Min Green, uma garota aficionada por filmes cujo sonho é ser diretora de cinema, está padecendo dessa dor. Depois de apenas algumas semanas de um relacionamento intenso com Ed Slaterton, que além de ser o melhor do time de basquete da escola é um gato, está sozinha e cheia de lembranças amargas. 

Para dar fim a esse sofrimento, ela decide entregar ao ex-namorado uma caixa repleta de objetos que de alguma maneira se tornaram significativos para o casal: ingressos de cinema, uma máquina fotográfica, um elástico de cabelo, um caminhãozinho de brinquedo, um pacote de camisinha, “todo suvenir de amor que a gente tinha, os prêmios e os destroços dessa relação, que nem confete na sarjeta depois que o desfile passa, o tudo e o não sei que mais chutado para o meio-fio”, como ela mesma define. 

Junto da caixa, Min deixa uma carta em que fala sobre cada um desses objetos, o episódio que eles representaram na história dos dois, sempre acrescentando novas razões para o rompimento. Esse é o texto de Por isso a gente acabou, que, narrado por uma adolescente de coração dilacerado porém com um ótimo senso de humor, é carregado de um tom informal e tragicômico, traduzindo com um misto de simplicidade e profundidade a história de uma separação. 

Através desta carta febril, e também das ilustrações de Maira Kalman que reproduzem a atmosfera vibrante da narrativa, o leitor conhecerá a divertida personalidade de Min Green, sua tristeza, suas angústias e incertezas, e as idas e vindas desse romance, desde o dia em que os dois tomaram a primeira cerveja juntos até o instante em que tudo foi por água a baixo.

Talvez você tenha notado que a minha avaliação deste livro não foi a melhor possível. Mas calma, eu posso explicar o motivo.

A proposta do livro é ótima, mas eu não tenho certeza se ela foi bem executada (às vezes é bem difícil colocar as ideias no papel!). Os personagens parecem um pouco vagos, talvez por sabermos desde o princípio que o casal não vai ter um “felizes para sempre”. A Min tinha tudo pra ser uma daquelas protagonistas inesquecíveis que a maioria das pessoas gosta, sabe? Uma daquelas garotas interessantes, “das artes”, como o próprio Handler descreve. No entanto, ela se mostra tão complicada que a torna difícil de se identificar. Ao mesmo ponto que quer unir o grupo de amigos e o namorado, ela abre mão com certa facilidade daqueles que estiveram ali por ela em todos os momentos, incluindo quando o término acontece.

DSC_0035Além disso, eu gostaria que a carta se desenrolasse de uma maneira diferente. É um padrão, entende? O desenho do objeto, uma história relacionada a ele, alguma coisa, ainda que mínima, que deixou ela chateada. O único motivo grande mesmo só vem bem no final do livro, mas até lá a decepção já tinha acontecido.

Ainda que o Ed não tenha sido o melhor namorado do mundo, imagino que seria difícil para ele se manter acima das expectativas de Min e dos amigos. Não anula os atos dele, claro, mas nós só conhecemos um lado da história, o que me faz pensar como ele se sentiria vivendo seus dias com alguém totalmente diferente dele.

Mas claro que todo livro tem pelo menos uma parte boa. Para mim, neste foram as ilustrações. Maira fez um ótimo trabalho ilustrando os objetos que marcaram o relacionamento do casal.

DSC_0033

DSC_0034

DSC_0030

Pra finalizar, eu só queria lembrar vocês que essa é a minha impressão do livro e que não tem problema algum se a sua for diferente. Inclusive, eu adoraria saber o que você achou do livro, então sinta-se à vontade pra deixar sua opinião nos comentários.

Bem, por hoje é só. Até mais! /Vick

Anúncios

Tag – Abecedário Literário

Depois de vários dias sem dar as caras por aqui, eu voltei e com uma categoria nova, a de Tags Literárias.

A tag de hoje chama Abecedário Literário, onde alguém te indica 5 letras aleatórias e você tem que achar um livro correspondente para cada. Quem me deu as letras foi a Jadeh, então eu devolvo o desafio para ela (suas letras são L, S, M, I e E, Hazo). As letras que eu ganhei são: F, J, A, C e P.

DSC_0315

F – O Festim dos Corvos, de George R.R. Martin

Minha relação com o Martin é complicada. Eu não consigo avançar nos livros dele, apesar de serem muito bons. O livro é rico em detalhes e a narrativa é interessante, pois o ponto de vista muda a cada capítulo. Ainda assim, é um pouco mais pesado do que os outros livros que eu costumo ler, mas pretendo terminar num futuro não tão distante e vocês podem me cobrar. Por ora, comentem o que vocês pensam sobre os livros dele e, se puderem, me digam se a série faz jus ao livro.

DSC_0317DSC_0318

J – Julieta Imortal, de Stacey Jay

Eu realmente gosto desse livro e até já comentei sobre ele aqui, ainda nos moldes antigos de resenha. Se tiver curiosidade sobre ele, vale a pena conferir.

DSC_0337DSC_0340

A – Austenlândia, de Shannon Hale

Esse livro já ganhou uma resenha no nosso tumblr, mas pretendo colocá-la nos moldes atuais do Estante de Sorrisos e postar novamente, com avaliação, comparação com o filme e fotos. 

 DSC_0327DSC_0329DSC_0330DSC_0328

C – Contos da Seleção, de Kiera Cass

Depois da presença da Kiera na Bienal e na sessão de autógrafos em Fortaleza (que a Jadeh registrou e postou aqui no blog), não podíamos deixá-la de fora deste post. O escolhido da vez é Contos da Seleção, que é composto pelos pontos de vista do Maxon e do Aspen e suas respectivas árvores genealógicas, um trecho de A Escolha e a playlist oficial de A Seleção e de A Elite.

DSC_0319DSC_0320 DSC_0322DSC_0324  

P – Por Isso a Gente Acabou, de Daniel Handler

Conheci esse livro ano passado quando a Jadeh leu e comentou sobre ele, mas acabei não dando muita importância. Esses dias estava na livraria sem ter certeza de qual livro comprar e ele surgiu na minha frente. Estou terminando a leitura e daqui uns dias já posto a resenha.

DSC_0332DSC_0333 

 DSC_0335DSC_0336

Então por hoje é só. Até mais. / Vick